3 Produtos alimentares que não deviam entrar no seu lanche

Bom, já todos sabemos que a alimentação saudável está na moda e que qualquer um/a se acha nutricionista da Internet… mas a verdade é que é preciso ter algum bom-senso e espírito crítico na hora de receber e transmitir informação nesta área!

Não falo apenas de mitos alimentares, como a eliminação de toxinas através da água com limão, ou de dietas mirabolantes publicitadas por pessoas “influentes”, mas também de coisas mais banais, que às vezes são até aconselhadas por profissionais de saúde e do exercício físico, mas que podem não fazer sentido!

Vamos então abordar 3 produtos alimentares (não se pode chamar de alimento…) que são vendidos como saudáveis, mas que não deviam fazer parte do seu lanche.

1. Bolachas

É mesmo muito comum ter pacientes, na primeira consulta, que referem não incluir pão na sua alimentação, mas que comem bolachas, ainda que “apenas daquelas sem creme e sem chocolate”. Infelizmente, não é só no chocolate que estão os malefícios, sendo que até as ditas bolachas simples escondem uma quantidade imensa de gordura e açúcar.

Neste primeiro quadro podem ver os 4 tipos de bolachas mais comuns – água e sal, Maria, torradas e digestivas -, comparadas com um pão de centeio.

 

Bolachas vs pão

 

A nível de valor energético, todas as bolachas têm mais de 400kcal por cada 100g, consideravelmente acima de um simples pão de centeio, que, por cada 100g, fornece apenas 259kcal. Já para não falar nos valores de açúcar e gordura!!

Mas como eu não gosto de olhar apenas para as tabelas nutricionais, vamos comparar ingredientes:

 

Ingredientes bolachas

 

Quanto mais longa a lista, pior o produto alimentar. E não se deixem enganar por nomes pomposos como “extrato de malte”, “melaço”, “xarope de glucose-frutose”… é tudo açúcar!

Vamos ficar-nos pelo pão, sim? Ou por alguns equivalentes mais interessantes, como estes:

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

2. Barras proteicas

Tenho-lhes um “carinho” muito especial… só que não.

Vejo muita gente a publicitá-las e colegas a recomendá-las, mas eu simplesmente não as consigo defender. Não consigo!

Os ingredientes são demasiado maus para ser verdade! A sério, alguém me explique a imensidão desta lista de ingredientes:

 

Para além de ter carradas de adoçantes (responsáveis pelo sabor doce, mas baixa quantidade de açúcar na tabela), que desregula a flora intestinal e a resposta de algumas hormonas, como a insulina, acaba por conter também gorduras pouco interessantes, como a de palma, e muitos aditivos, como os emulsionantes.

Então, por muito apelativos que possam ser os números na tabela nutricional, não seria mais simples obter os mesmos nutrientes através de um ovo, queijo fresco, quark, mozarela fresca ou os mais recentes Skyr to go (eu que era contra eles…)? Menos ingredientes e um preço mais baixo!

 

Prota

 

E não me venham com a desculpa de ser mais prático ou mais saboroso, porque um queijo fresco também é muito simples de transportar, e podem sempre temperar com canela ou pimenta-preta e orégãos, por exemplo. E o Skyr to go (Lidl) é mais prático ainda, embora as versões com aroma tenham alguns adoçantes.

Se quiserem muito uma barra, ou se forem viajar e essa for a opção mais prática, vejam as seguintes:

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

3. Granola

Been there, done that.

Eu própria vendi granolas a achar que poderia contribuir para o bem-estar das pessoas, mas a verdade é que, mesmo que seja caseira, a granola não é um produto alimentar muito interessante.

Mesmo em versões alegadamente mais saudáveis, com ingredientes “do bem”, o produto final não deixa de ter uma grande adição de açúcar e/ou gordura.

Ora vejam:

Granolas

 

Mas lá está, como eu sempre digo: os números na tabela não são tudo! Vejam também os ingredientes:

Ingredientes granolas

 

TODAS têm açúcar adicionado! Mesmo aquela que tem menos ingredientes, na quarta posição da tabela, tem o mel como primeiro ingrediente, o que não é muito bom sinal, visto que os ingredientes estão sempre por ordem decrescente de quantidade.

Solução? Reeducar o paladar e comer flocos de aveia simples, ou então fazer algo que eleve o seu sabor, de forma simples: TOSTANDO na frigideira ou no forno.

Basta envolver os flocos de aveia integrais (daqueles mais grossos) com aveia e baunilha, por exemplo, e tostar numa frigideira antiaderente até ficarem dourados, ou no forno a 180ºC por ~10min. Depois, se quiserem, podem então adicionar uns frutos secos, desidratados ou sementes.

 

Imagem relacionada
Fonte: Better homes & gardens

 

Resumindo: todos estes alimentos podem entrar numa alimentação saudável e equilibrada, simplesmente não devem ser a primeira opção!

Vamos lá fazer lanches mais saudáveis?

Qualquer dúvida, comentem ☟

Beijinhos,

Laranja-lima

 

P.S.: este artigo não tem como objetivo denegrir qualquer marca à venda no mercado, pelo que todas elas foram desfocadas, servindo apenas como exemplo.

18 thoughts

  1. Olá! Excelente artigo, obrigada! Uma dúvida: na parte final da sugestão alternativa às granolas, a baunilha seria em vagem? É que os xaropes também são carregados de açúcar. Obrigada!

    Gostar

  2. Obrigada pelo trabalho com o artigo! Comentar apenas depois de ter lido o post de desabafo soa a “remediado”, mas acho que me senti tocada pelo que disse. De facto leio, acho interessante, mas não costumo comentar o blog. Por isso, obrigada pelo artigo, bastante elucidativo e fiel às suas ideias 🙋🏻‍♀️😉 beijinho

    Gostar

  3. Faço a minha granola em casa na frigideira com flocos de cevada puff, aveia, sementes de sesamo e abóbora e 2 colheres sopa de frutos secos. Eeeee, uma colher de mel 😡 disapprove?
    Thanks and welcome back!

    Gostar

  4. Obrigado Ana por nos ajudares a manter o bom-senso no meio de tanta confusão que é esta nova indústria da “alimentação saudável”. A melhor coisa que fiz em relação a este assunto foi consultar uma nutricionista (e pelos vistos tive sorte) que me aconselhou a optar sempre pelos alimentos na sua forma mais básica e a degustar apenas ocasionalmente produtos mais processados. O pão, os iogurtes/queijo fresco, os ovos, os frutos secos e a fruta fresca são sempre os meus snacs. Beijoooooo

    Gostar

Deixe uma Resposta para Ines Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s